quinta-feira, 10 de março de 2011

Casa Pátio 1 - 2008









Com a premissa de proporcionar um pátio como uma área de convívio, a residência está implantada perpendicularmente a entrada, criando um eixo e deixando uma dos espaços do lote para uso do pátio.

A estrutura principal da casa é de madeira Angelim, com fechamentos em placas de Painel Wall, as janelas são de madeira com veneziana nos dormitórios e caixilhos com vidro nas áreas de convívio. O piso é feito de assoalho de madeira sobreposto a placas de OSB, que tem função de isolante acústico e forro para o pavimento inferior. A cobertura plana, dividida em duas águas se dá por placas de OSB, cobertas por manta de impermeabilização termoplástica com caimento central.

A entrada ocorre pela biblioteca, que articula entre a área social e o escritório, onde ao mesmo tempo em que esse usufrui do espaço da biblioteca, pode ser fechado para maior privacidade. Ainda no pavimento térreo está o espaço de convívio, que comporta cozinha e estar, e fica entre dois pátios, o menor, próximo a cozinha e área de serviço enquanto o maior encontra-se ao lado oposto.

Esse pátio principal funciona como uma extensão da área de estar, devido aos amplos caixilhos em que se tem a possibilidade da abertura quase total, integrando o ambiente interno ao deque que segue o mesmo tratamento de piso, garantindo continuidade espacial e sensação de amplitude no estar, reforçados pelo pé-direito duplo do ambiente.

O acesso ao pavimento superior é feito por escada, que se localiza paralelamente a um dos panos de vidro que dividem a residência com o pátio. Nesse pavimento estão situadas as áreas intimas da residência, onde o dormitório do casal próximo ao espaço de estar e os dormitórios das crianças, que possuem portas articuladas do tipo “camarão”, possibilitando a abertura total entre eles, aumentando o espaço que antes seria destinado à circulação para ser uma área de integração entre os dormitórios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário